Imagem capa - a little bit of exaggerated love! ♥ por Retrato de Amor
Amor

a little bit of exaggerated love! ♥


Diante de um momento decisivo deveria ser possível pensar racionalmente! E o amor não é nenhum pouco emotivo,

Que escolha implacável é o amor, né?


O meu pai me dizia muito pra contar até 10 antes de fazer qualquer escolha na vida!

Em algumas vezes contei, em outras não consegui contar até três!


Mas esse lance de amar, é uma coisa muito louca, que a gente não sabe definir se é racional ou emocional! E acho, sinceramente, que é um pouco dos dois!

Logo no primeiro contato vem o fascínio. Depois vem a primeira conversa. (Que já é meio que decisiva) Depois vem a confirmação. (Através da conversa e do fascínio)


Mas quer saber o que é mais louco?

É ver essa bagunça dando certo, se encaixando! ♥


A bagunça da Amanda e do Phelipe é uma delas! Encaixou!

E sabe que essa bagunça pode piorar pra melhorar?

Porque não fechava inicialmente, mas o amor, sendo o maior de todos, supera, se eleva diante, ultrapassa, qualquer, eu disse qualquer barreira que possa intervir!


E sabe como eu sei que vai dar certo?

Porque é amor. Porque se não fosse, não na primeira, mas nos desafios seguintes, já desistiria!

E às vezes a gente acha que sabe o que é amor! Mas no começo, nunca sabe! E só diante de um momento de dificuldade, provação, começa a compreender. Porque é muito mais profundo, intenso, do que a gente imagina!


Amor não é afinidade, Amor não é um encaixe. Amor não é uma alma gêmea.

Amor é diferença. Amor é desencaixe. Amor é alguém totalmente o oposto que você.


Mas sabe o que mais é amor?

Amor é respeito. Amor é compreensão. Amor é altruísmo. Amor é uma escolha!


Amar é uma escolha!

E a Amanda decidiu escolher o Phelipe!

E o Phelipe decidiu escolher a Amanda!